sexta-feira, 5 de junho de 2009

olho nos teus olhos...


olho nos teus olhos

não resisto a um beijo

colo o meu corpo ao teu

num abraço de desejo

tiro-te a roupa quero-te despido

tenho pressa de te sentir

deito-te na cama

no teu peito nu

roço os meus lábios

com as mãos

te acaricio com a boca

te deleito

tenho urgência

do teu sexo que em mim

se afunda nos teus olhos

me perco ao ritmo do prazer

na tua boca me colo

sufoco a loucura

4 comentários:

manuel marques disse...

Apenas se vê bem com o coração, pois nas horas graves os olhos ficam cegos .

Um grande abraço.

Wanderley Elian Lima disse...

Amor e prazer caminham juntos e a cada momento um sobrepõe ao outro. Parabéns pelo poema.
Um abraço

carmen disse...

Hola cielo en mi blog tienes algo para recoger.

Un besito con cariño.

Jacqueline disse...

Ui! Jesus me abana!!! rsrs
Deu pra estremecer na cadeira!
Abraço!